sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Festa de agosto deu prejuizo para os cofres públicos

 
Reunião contabilizou os prejuízos
Foi realizada na sexta-feira (14), na prefeitura, a última reunião relacionada à Festa de Agosto 2015, que se encerrou na terça-feira (11). Foi uma reunião de avaliação geral, com a participação de todos os envolvidos na realização da festa. Sob a coordenação da Secretaria de Turismo, Esportes e Cultura, e da Secretaria de Planejamento e Gestão Estratégica, as principais responsáveis pelo planejamento, organização, realização e fiscalização do evento, os participantes apontaram e debateram os pontos positivos e negativos da maior festa da região. Assim como nas reuniões de preparação e de acompanhamento da festa, representantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros tiveram importante participação nessa reunião de avaliação geral.

No geral, a conclusão é de que a Festa de Agosto 2015 foi um grande sucesso. Com a participação de milhares de pessoas nos mais de dez dias de festa, com surpreendente elevação nos dias de grandes shows, a festa consolidou definitivamente o Parque Municipal Ilha Antônio Dutra como local apropriado para a realização de grandes eventos. E comprovou que planejamento, organização e acompanhamento efetivo, principalmente com especial atenção à segurança, são essenciais para o êxito de qualquer atividade que envolva a participação de elevado número de pessoas. O principal ponto positivo da Festa de Agosto 2015 foi a tranquilidade com que os festejos ocorreram, sem registrar nenhuma ocorrência grave. Outro ponto destacado foi a concessão ao Hospital da Fundação Casa de Caridade de São Lourenço do uso do espaço para estacionamento, o que gerou receita para a instituição e diminuiu os gastos da prefeitura com atendimentos médicos e gerenciamento do estacionamento.


A avaliação geral serve, principalmente, para apontar as falhas ocorridas e de base para planejar a próxima festa. Para que a Festa de Agosto 2016 seja ainda melhor que a desse ano, algumas medidas deverão ser adotadas. Entre elas, a modificação do portal e portões de entrada da Ilha, para melhorar a acessibilidade e facilitar o fluxo de pessoas, a ampliação do espaço usado para a festa e a melhoria da infraestrutura, como iluminação, drenagem, condução do esgoto, rede de abastecimento de água e limpeza das áreas em utilização.

Em relação à parte financeira, o gasto da prefeitura foi de R$ 193.265,00; em grande parte devido ao custo do show do Roupa Nova (R$ 150.900,00). Outras despesas foram: com a queima de fogos (R$ 7.900,00), com contratação de empresa para a prestação de serviços de organização e coordenação dos shows, com disponibilização de estrutura, equipamentos, materiais, mão de obra... (R$ 113.800,00), com contratação de empresa para a prestação de serviços de organização e coordenação geral da festa, com disponibilização de estrutura, equipamentos, materiais, mão de obra... (R$ 163.300,00). Como receita, a prefeitura obteve R$ 242.635,00: com venda da publicidade (R$ 5.285,00), com venda do espaço para parquinho (R$ 28.100,00), barracas de produtos alimentícios (R$ 97.200,00), barracas de produtos diversos (112.050,00).

Receita = R$ 242.635,00  - Despesa = 435.900,00 – Diferença = R$ 193.265,00


0 comentários:

Postar um comentário