domingo, 10 de maio de 2015

'Modificados' tatuam até as pálpebras e usam milhares de piercings

Brasileira foi vista com 3.920 piercings. Já um jornalista suíço fez chifres com silício.
A brasileira Elaine Davidson


Chifres na cabeça. Tatuagens até nas pálpebras. E milhares de piercings por todo o corpo. Conheça os "humanos modificados", as dez pessoas com mudanças corporais mais bizarras que foram eleitas pelo site Deputy Dog.
Entre eles há uma brasileira: Elaine Davidson, que já foi considerada pelo livro dos recordes, o Guinness, como a mulher mais tatuada do mundo.

Quando os fiscais do Guinness a examinaram pela primeira vez, em maio de 2000, ela tinha 462 piercings pelo corpo. No ano seguinte, já contava com 720. Em 2005, durante performance no festival de Edinburgo, na Escócia, o jornal inglês "The Guardian" disse que ela tinha na ocasião 3.920 piercings -que, somados, pesavam cerca de 3 kg.


Veja abaixo alguns dos "modificados" mais esquisitos listados pelo site Deputy Dog. 

O homem mais tatuado do mundo passou por mil horas de dor e tatuou as pálpebras e até o interior das orelhas. 

Já um jornalista suíço cobriu o rosto e a cabeça com tatuagens em tons vibrantes. Ele também implantou silício sob a pela -o que o deixou com chifres na cabeça. 

Um outro destaque entre os top 10 do site Deputy Dog é um homem de 67 anos que tem 99% de seu corpo tatuado com imitações de pele de leopardo. Ele passa os dias lendo, correndo e vive afastado da sociedade moderna.

0 comentários:

Postar um comentário