segunda-feira, 10 de novembro de 2014

O BRASIL VAI PARAR !!!!

Roberto Mezian -


O Brasil vai parar...Vejam o Manifesto circulando entre os caminhoneiros “ A paz queremos com fervor. A guerra só nos causa dor. Porém se a Pátria amada for um dia ultrajada, lutaremos sem temor”
ALERTA À NAÇÃO!
A União Nacional dos Caminhoneiros, Associação Brasileira dos Caminhoneiros e a Confederação Brasileira de Transportes de Cargas, vêm a público notificar que os empresários de transportes de cargas, juntamente com os Caminhoneiros autônomos, decidiram paralisar suas atividades a partir da zero hora do dia 13 de Novembro e ficarão retidos em protesto até a zero hora do dia 16 de Novembro vindouro, por todo o Brasil.
Os caminhoneiros que estiverem trafegando pelas rodovias, interromperão suas viagens, a partir do horário e a data acima, nas principais artérias que ligam o País, do Norte ao Sul e do Leste ao Oeste.
Notifica que o protesto é motivado para a destituição ou exoneração imediata do atual desgoverno e seu aparelhamento estatal, bem como suas coligações facciosas.
Os caminhoneiros também se juntam aos quase 60 milhões de eleitores que protestam pelas escandalosas fraudes nas eleições, lesando a maioria dos eleitores convictos por urnas surrupiadas a favor de uma candidata que, a qualquer custo, usurpa o poder para a implantação de um comunismo bolivariano, alinhando-se a ditadores, vilões que dominam nações pelo mundo afora, em especial a Cuba e Venezuela.
Esse desgoverno usurpador causou prejuízos de bilhões de dólares, com inúmeros desfalques oriundos dos tributos no Tesouro Nacional, nas estatais, inclusive na Petrobrás e obrigando a categoria e o povo em geral a pagar esses desvios nos constantes aumentos dos combustíveis, sem considerar o repasse nos preços dos alimentos, nos elevados custos de pneus, de IPVAs e pedágios exorbitantes e sem retornos na melhoria das péssimas rodovias que partem do Centro-Oeste, rumo ao Norte do País. Dos assaltos e seqüestros rotineiros das cargas que transportam. Sem contar, ainda, às longas filas de espera para assentar os containeres, nos principais portos do Brasil. 

Empresários dos transportes de cargas e seus caminhoneiros autônomos notificam que pesam ameaças para o bloqueio das rodovias, fato esse que, havendo congestionamento nas rodovias, será permitida pelo acostamento à passagem somente para ambulâncias em trânsito às cidades próximas. Deverão se precaver os motoristas de carretas com mercadorias perecíveis, aconselhando-os que não transitem nas datas acima. Deverão se precaver também os seguranças, nos serviços de escoltas, o estado de guerra e atuação de legítima defesa contra ativistas vermelhos como MST e seus lacaios Black Blocs, declarados inimigos ferrenhos dos cidadãos patriotas que trabalham, produzem e recolhem seus impostos.
Pátria amada Brasil, 07 de Novembro de 2014

0 comentários:

Postar um comentário