domingo, 11 de agosto de 2013

Acidente entre veículos deixa três mortos na BR-491 em Elói Mendes

Três pessoas morreram, entre elas um bebê de 4 meses, em um acidente envolvendo dois veículos no início da noite deste sábado (10), na Rodovia BR-491, próximo ao trevo de Elói Mendes (MG). Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, um Corsa com placas de Guarulhos(SP) não parou no trevo e se chocou com uma Hilux, placas de Paraguaçu (MG), que seguia pela rodovia. Em seguida, o Corsa em que estavam cinco pessoas, entre elas duas crianças, caiu na ribanceira e uma parte do veículo ficou submersa no córrego.

Corsa foi arremessado para o córrego após ser atingido na BR-491 (Foto: Devanir Gino/Reprodução EPTV)Corsa foi arremessado para o córrego após ser atingido na BR-491 (Foto: Devanir Gino)
O Corpo de Bombeiros disse que o local era de difícil acesso, o que complicou o resgate das vítimas. Olga Fernandes Romero Veloso, de 71 anos, ficou presa às ferragens e morreu no local.
Segundo a Polícia Civil, uma das crianças, Isabela Veloso da Silva, de quatro meses, também morreu no local. Evanizio Pereira da Silva, de 50 anos, que dirigia o Corsa, foi socorrido, mas morreu a caminho do hospital. Sueli Matias Veloso, de 48 anos, teve lesões graves e foi transferida para o Hospital Bom Pastor, em Varginha (MG). Mateus Veloso de Jesus, de 10 anos, teve ferimentos leves e foi encaminhado para o mesmo hospital. Não há informações sobre o estado de saúde das vítimas.
Carro não parou no trevo e foi atingido por Hilux quando atravessava a pista (Foto: Devanir Gino/Reprodução EPTV)Carro não parou no trevo e foi atingido por Hilux quando atravessava a pista (Foto: Devanir Gino)
Os ocupantes do Corsa seguiam para Muzambinho (MG). Os corpos foram encaminhados para o IML de Varginha e serão levados para Guarulhos, onde todos moravam.
O motorista da Hilux, Domingos Sávio de Moura, de 39 anos, foi encaminhado para o Hospital de Paraguaçu e permanece em observação no pronto-socorro. Ele não corre risco de morte.
Fonte: G1 e PC

0 comentários:

Postar um comentário